quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Cinema!


Gente! Ontem assisti "Atividade Paranormal". O filme é muito bom!! O diretor Oren Peli realmente conseguiu fazer render muito bem os $ 11.000,00 que custou a produção.
Não é daques filmes que assustam ou tem sangue jorrando até das paredes. Assim como em "1408" o terror é psicológico pois todo o tempo lida-se com um inimigo não-nominado e invisível. Toda a gravação foi feita em primeira pessoa e com toda a tecnologia que um vídeo caseiro pode ter. E é aí que mora o grande segredo de "Atividade Paranormal": O realismo! Quer mesmo assustar alguém? Diga que é baseado em fatos reais! Quem já assistiu "Horror em Amityville" (que é baseado em fatos reais) sabe disso. Quem assiste ao programa "Assombrações"da Discovery também.
Mas voltemos..
No início do filme chega até ter um agradecimento à familiares e a polícia local por ceder as imagens (achei muito bem bolado!) As cenas começam quando eles adquirem a câmera e ao longo das gravações vão explicando os fatos que os levaram a começar o documentário particular. As atuações são ótimas e ajudam bastante na ambientação de realidade tanto dos fatos quanto do relacionamento do casal (brigas cotidianas e brincadeiras de casal). Os efeitos ficaram muito bons e foram muito bem aplicados. Não houve excessos e tudo coube muito bem no filme. É um filme que impressiona na verdade, e deixa aquela pulga atrás da orelha quanto àquele barulhinho que se ouve de vez enquando durante a madrugada. Aliás demorei um pouco pra pegar no sono... Mas é bem divertido pra quem gosta desse friozinho na barriga!
Well, enjoy!! Bjks!

4 comentários:

Dalva disse...

Menina,

Esses filmes dão um arrepio na espinha! Não assisto à noite nem por nada desse mundo!

Bjs.

Sugar Cake disse...

olá moça td bom? vc ñ entra no msn =( vc me add? se ñ lidambrosio@hotmail.com

bjux =***

.justlow disse...

Já assisti bom mesmo !

Nath. disse...

Oi Menina!!

Hummm, filmes de terror, faz tempo que não vejo um! Hehehehehe...
Eu fico sem dormir por várias e várias semanas.

Saudades de vir aqui! Um xêro grande!